151ª Reunião do Memofut

Data início: 01/04/2023Data de encerramento: 01/04/2023Horário de início: 08:30Horário de encerramento: 13:00Local: Museu do Futebol

Memofut

Agenda

 

8h30/9h. Aquecimento, com café da manhã.

9h/9h15. Comunicações iniciais, com Alexandre Andolpho (coordenador do Memofut).

9h15/10h15. “Os jogos esquecidos de Pelé”, com Aristides Almeida Rocha e Alexandre Andolpho. Aristides possui graduação, mestrado e doutorado em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo (USP), sendo ex-diretor, professor titular aposentado e emérito da Faculdade de Saúde Pública da USP. Membro do Memofut e do Panathlon Club São Paulo, é torcedor do São Paulo e tem vários livros publicados sobre esportes. Alexandre é administrador de empresas e pesquisador de futebol. Um dos fundadores do Memofut, é torcedor do Palmeiras.

10h15/11h. “Vida e aventuras de um colecionador de camisas”, com José Roberto Fornazza e Luiz Romano. Na apresentação, Fornazza e Romano vão apresentar a coleção de camisas de futebol do colecionador Augusto de Souza Gonzalez. Fornazza é engenheiro, pesquisador de futebol, membro do Memofut e torcedor do Paulista de Jundiaí. Romano é designer de produto e artes gráficas, membro do Memofut e torcedor do Palmeiras e do São Caetano.

11h/11h30. Intervalo para café e foto.

11h30/13h. “A importância do humor gráfico no futebol”, com o jornalista e cartunista José Alberto Lovetro, o JAL. JAL trabalhou em diversos órgãos de imprensa, como os jornais Folha de S.Paulo, O Estado de S. Paulo, O Pasquim, O Pasquim São Paulo e O Pasquim 21, as revistas Visão, Veja e Semanário, as TVs Cultura, Gazeta, Tupi, Manchete, Bandeirantes, Globo e SBT e as rádios USP e Tupi. Presidente da Associação dos Cartunistas do Brasil, JAL tem uma empresa de comunicação e organizou mais de 100 exposições no Brasil e no exterior. Publicou, juntamente com Gualberto Costa, os livros “A história do futebol no Brasil através do cartum” (Rio de Janeiro: Bom Texto, 2004) e “Gol de bico: nossa história narrada pelas charges (volume 1)” (Barueri: Panini Books, 2013). Com a professora Sonia Luyten, escreveu o livro “Efeito HQ”, de acesso gratuito na internet, onde explica a utilização dos quadrinhos e do humor gráfico como ferramenta de ensino nas escolas.

13h. Encerramento.

 

Veja também:
    • 16 de abril de 2024

      Bola e Câmera: ferramentas alfabetizadoras em habilidades sociais

      • 15 de abril de 2024

        Da “mamãe Globo” à “revolução” da CazéTv: Padrão tecnoestético como barreira na exibição do futebol

        • 15 de abril de 2024

          Le sport, un théâtre d’affrontements de la Guerre froide