XXIX Simpósio Nacional de História

Data início: 31/12/1969Data de encerramento: 31/12/1969Local: Universidade de BrasíliaData limite inscrição: 31/12/1969

anpuh2017

Entre 24 e 28 de julho, na cidade de Brasília, será realizado o XXIX Simpósio Nacional de História. O evento que acontece a cada dois anos, constitui-se na principal reunião acadêmica da área. Sua diversificada programação atrai pesquisadores em diferentes estágios da carreira, professores de todos os níveis de ensino e estudantes de História de graduação e pós-graduação.

A Universidade de Brasília (UnB) que sediará o Simpósio e, as demais instituições de Brasília que se dispuseram a colaborar na sua organização, estão empenhadas em organizar, com esmero, esse evento de alta importância acadêmica e de grande potencial de intercâmbio de pesquisas e experiências profissionais diversificadas.

Contra os Preconceitos: História e Democracia é a temática do evento, que, sem dúvida, apresenta relevância histórica impar e grande atualidade face à complexa realidade do mundo contemporâneo. De fato, o tempo presente, no Brasil e em diferentes países do mundo, tem se caracterizado por peculiar conquista e afirmação de novos e plurais direitos, mas também é marcado por forte expansão de diferentes formas de fundamentalismos e  expressão de preconceitos.

 

ST 052 – História do Esporte e das Práticas Corporais

Coordenadores: Coriolano Pereira da Rocha Junior (UFBA), Euclides de Freitas Couto (Universidade Federal de São João del Rei)

Resumo: Em âmbito nacional e internacional, o avanço da produção acadêmica estimulou o aumento dos debates, estudos, fontes e metodologias que tratam da articulação entre os esportes e as práticas corporais, com as peculiaridades e especificidades do local, bem como a sua relação com o global. Tais transformações, ocorridas em diferentes áreas do conhecimento, adentraram no campo historiográfico e abriram as suas fronteiras para a análise de novos objetos históricos, tornando possível o primeiro Simpósio de Esportes da ANPUH, no ano de 2003, em João Pessoa, iniciando uma sequência de eventos que tem possibilitado a troca de ideias e experiências de pesquisa entre historiadores, que têm o esporte como objeto de investigação. O esporte é entendido aqui como uma manifestação cultural com sentido amplo: prática institucionalizada nas escolas, atividade de lazer, ou ainda como técnica complexa de movimentos que visam o rendimento, apreciada por um público consumidor considerável. No Brasil, ainda que existam estudos desde o século XIX, a pesquisa em história do esporte é um campo recente de investigação. Mesmo que o fenômeno esportivo não tenha escapado ao olhar atento de teóricos brasileiros no decorrer do século XX, somente nas duas últimas décadas começaram a despontar quantitativa e qualitativamente tais pesquisas, bem como a adquirir maior organicidade e reconhecimento científico. A complexidade do campo esportivo e a aderência da população global às práticas corporais despertaram o interesse de pesquisadores, que vislumbram nelas, a possibilidade de ampliar a compreensão de contextos sociais mais complexos. Hoje, o tema encontra-se disseminado em programas de pós-graduação de diferentes áreas. No bojo dessa ampliação do campo, destaca-se, sobretudo na última década, a criação de laboratórios em universidades de vários brasileiros, fato que potencializou a publicação de livros, capítulos e artigos em periódicos. Assim, apontamos a pertinência de inserção de um simpósio que trabalhe com a perspectiva de utilizar o esporte como uma chave para compreender, interpretar e/ou explicar cenários culturais, políticos, econômicos e sociais, especialmente no momento em que o Brasil acabou de sediar os dois maiores megaeventos esportivos do mundo.

Veja também:
    • 7 de abril de 2024

      I Seminário sobre Futebol e Educação: desafios para a formação de jogadores e jogadoras

      • 3 de abril de 2024

        Palestra Crônicas Esportivas com Milly Lacombe

        • 1 de abril de 2024

          Arbitragem de futebol e racismo no Brasil