Biblioteca

Seja um dos 27 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
Tese

A aprendizagem da e na prática social

um estudo etnográfico sobre as práticas de aprendizagem do futebol em um bairro de Belo Horizonte
Ano

2008

Faculdade/Universidade

Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais

Tema

Tese

Área de concentração

Doutorado em Educação

Páginas

229

Arquivos

Resumo

O objeto desta pesquisa são as práticas de aprendizagem do futebol. Amplamente difundido/popular no Brasil (como prática masculina) o futebol é um esporte em que se observa pouco ensino, mesmo quando a sua aprendizagem se dá dentro da escola. Para descrever/analisar a aprendizagem do futebol foram utilizadas a abordagem da aprendizagem situada em comunidades de prática (LAVE e WENGER, 1991) e a teoria da forma escolar (VINCENT, LAHIRE, THIN, 2001) — teorias que foram tomadas no trabalho como um tipo oposição complementar. O estudo aborda a aprendizagem enquanto um aspecto inerente a toda prática social (LAVE e WENGER, 1991). Elaborado a partir de uma incursão etnográfica no universo das práticas cotidianas de futebol entre os jovens de um bairro de Belo Horizonte, a pesquisa deu visibilidade a aspectos importantes do processo de aprendizagem. Revelou que no futebol, o modo de aprender situado (nas relações entre pares e no compartilhamento das práticas) é hegemônico, mesmo em contextos com ocorrência de práticas pedagógicas orientadas pela forma escolar. A aprendizagem do futebol está difusa nos diferentes modos de participação na prática social e envolve mais do que técnicas, táticas e regras. Nas práticas futebolísticas cotidianas os jovens praticantes aprendem o futebol e nele constituem identidades, significados, disposições corporais, tipos de atenção, emoções e conhecimentos. Como parte das redes de sociabilidade juvenis, os jovens incorporavam o jogo — que se compõe de relações sociais complexas, diferentes formas de participação, relações de poder, etc. Não se trata, entretanto de um processo de assimilação passiva, em que o corpo vai sendo moldado. Ao contrário, numa relação tensa e sutil, a cultura futebolística marca o corpo dos praticantes ao mesmo tempo em que é marcada por ele.

Abstract

The subject of this research are the practices of the learning of soccer. Highly spreader/popular in Brazil (mainly as a male practice), soccer is a sport where it is noticed little education, even when its learning takes place inside of the school. In order to describe/analyze the learning of soccer were used the learning approach situated in communities of practice (LAVE and WENGER, 1991) and the theory of School System, (VINCENT, LAHIRE, THIN, 2001) — theories that were used in this work as a complementary opposition type. The study broaches the learning as an inherent aspect of the whole social practice (LAVE and WENGER, 1991). Compiled from an ethnographic incursion in the universe of the daily soccer practices among young people from a district of Belo Horizonte, the research gave visibility to important aspects of the learning process. Revealed that in soccer, the situated way of learning (i.e., in relations among peers and in the sharing practices) it is hegemonic, even in contexts of occurrence of teaching practices guided by the School System. The learning of soccer is diffuse in the different ways of participation in the social practice and it involves more than techniques, tactics and rules. In the daily soccer practices the young athletes learn soccer and in it establish identities, meanings, bodily arrangements, types of attention, emotions and knowledge. As part of the networks of young people’s sociability, the young athletes incorporated the match — which is constituted of complex social relations, of different ways of participation, of power relations, etc. It is not, however, a passive process of assimilation, in which the body is being shaped. Unlike, in a subtle and tense relation, the soccer culture shapes the body of the practitioners at the same time that is shaped by it.

Referência

FARIA, Eliene Lopes. A aprendizagem da e na prática social: um estudo etnográfico sobre as práticas de aprendizagem do futebol em um bairro de Belo Horizonte. 2008. 229 f. Tese (Doutorado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2008.
Cadastre-se para receber novidades