Biblioteca

Seja um dos 26 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
Dissertação

A nova economia do futebol

uma análise do processo de modernização de alguns estádios brasileiros
Ano

2005

Faculdade/Universidade

Museu Nacional, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Tema

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Antropologia

Páginas

123

Arquivos

Resumo

Esta dissertação procura compreender as transformações ocorridas nos estádios de futebol desde a codificação de suas regras em 1863. Se naquela época não existiam regulamentações versando sobre o espaço onde o jogo acontecia, nem uma separação clara entre jogadores e torcedores, hoje em dia verificamos a existência de arenas supermodernas com arquibancadas compartimentalizadas oferecendo conforto e oportunidades de consumo para os torcedores. A partir da análise das transformações ocorridas nos estádios, procura-se mostrar que, no futebol moderno, convertido em mercadoria e regido pela lógica de mercado, os mesmos assumem uma importância central para seus clubes, no sentido de proporcionarem um palco onde a partida de futebol é somente mais um dos produtos em oferta a serem consumidos. Da mesma forma, procurou-se mostrar que a nova concepção de estádios pressupõe a formação de um novo tipo de torcida, neutra, pacificada e constantemente vigiada, convertida em consumidora.

Abstract

The main purpose of the present dissertation is to comprehend the changes experienced on football stadiums since the codification of its rules in 1863. If at that time there were no regulations about the space where the game took place, nor a clear separation between players and supporters, today it is commonplace to see ultra-modern football arenas and allseater stadiums, offering comfort and opportunities for consumerism for the spectators. Through the analysis of the changes that took place inside the stadiums, it is attempted to show that, in modern football, ruled by the logics of the market, the former assume a central role for its owners, in a way which the football spectacle is only another product being offered for the consumer. Likewise, it is attempted to demonstrate that the modern conceptualization of the stadiums presuppose the formation of a new mode of supporter, neutral, pacified, constantly under surveillance, now converted to consumer and consumerism.

Sumário

Introdução, 1
Capítulo 1: Do folk football ao esporte codificado, 18
1.1: O desenvolvimento dos estádios de futebol no Reino Unido, 25
1.2: O desastre de Hillsbrough e a modernização dos estádios ingleses, 35
Capítulo 2: A construção dos estádios e da nação no Brasil, 46
2.1: A construção dos estádios de São Januário e Pacaembu e sua utilização
pelo governo varguista, 51
2.2: O Maracanã, “coração do Brasil”, 61
Capítulo 3: A nova economia do futebol ou o futebol como mercadoria, 67
3.1 Análise de alguns casos no Brasil: as reformas no Maracanã, no Caio Martins e na Arena da Baixada, 82
3.1.1 O estádio do Maracanã, 85
3.1.2 O estádio de Caio Martins, 89
3.1.3 A Arena da Baixada, 93
3.2 Novos estádios, novos torcedores, 98
Considerações finais, 103
Apêndices, 106
Referências bibliográficas, 111

Referência

CRUZ, Antonio Holzmeister Oswaldo. A nova economia do futebol: uma análise do processo de modernização de alguns estádios brasileiros. 2005. 123 f. Dissertação (Mestrado em Antropologia) - Museu Nacional, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2005.
Cadastre-se para receber novidades