Biblioteca

Seja um dos 26 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
ISSN 2175-8042

Apontamentos sobre o fazer etnográfico: agruras e prazeres de uma pesquisadora-torcedora nas imediações de um estádio de futebol

Periódico / Revista

Motrivivência

Número

n. 65

Ano

2022

Volume

v. 34

Páginas

p. 1-20

Arquivos

Resumo

Neste trabalho, buscamos relatar, problematizar e instigar inquietações pertinentes a uma pesquisa etnográfica, abordando as agruras e prazeres de uma pesquisadora torcedora, inerentes aos desdobramentos de uma investigação nas imediações do estádio Arena do Grêmio, na cidade de Porto Alegre/RS. Procuramos dar ênfase às questões de gênero e à sensação de insegurança urbana, que figuram o território como um cenário hostil à pesquisadora-torcedora, tecendo experiências de sujeição e enfrentamentos. Portanto, tratamos das especificidades de uma pesquisa de campo realizada por uma mulher, em território futebolístico e periférico da cidade. Ademais, abordamos os ‘sabores’ de se realizar a investigação, sejam eles agradáveis, pelas satisfações suscitadas na dupla pertença, ou desagradáveis, pelos desapontamentos vividos, estabelecendo barreiras e contornos específicos, que implicaram nos recursos possíveis e/ou disponíveis no campo. Tratamos ainda, de instigar os pares a potencializar as discussões que envolvam as desigualdades entre gêneros no campo científico.

PALAVRAS-CHAVE: Etnografia; Análise de gênero; Futebol; Território sociocultural

Resumen

En este trabajo buscamos reportar, problematizar e instigar inquietudes pertinentes a una investigación etnográfica, abordando las privaciones y placeres de una hincha investigadora, inherentes al desarrollo de una investigación en las cercanías del estadio Arena do Grêmio, en la ciudad de Porto Alegre/RS. Intentamos enfatizar las cuestiones de género y el sentimiento de inseguridad urbana, que configuran el territorio como un escenario hostil a una hincha investigadora, tejiendo experiencias de sometimiento y enfrentamientos. Por tanto, nos ocupamos de la especificidad de una investigación de campo realizada por una mujer, en el fútbol y territorio periférico de la ciudad. Además, nos acercamos a los ‘sabores’ de realizar la investigación, sean agradables, por las satisfacciones planteadas en la doble pertenencia, o desagradables, por las decepciones vividas, estableciendo barreras y contornos específicos, que implicaban lo posible y / o recursos disponibles en el campo. También tratamos de incitar a los pares a mejorar las discusiones que involucran desigualdades entre géneros en el campo científico. v

PALABRAS-CLAVE: Etnografía; Análisis de género; Fútbol; Territorio sociocultural.

Abstract

In this article, we seek to describe and analyze concerns related to ethnographic research, pointing out the issues and pleasures of a female researcher-fan during an inquiry in the surroundings of the Arena do Grêmio stadium in Porto Alegre, Brazil. We emphasize gender issues and the perception of urban insecurity, picturing the territory as a hostile scenario for a female researcher, weaving experiences of subjection and confrontations. Therefore, we deal with the specifics of field research carried out by a woman in football territory and the suburbs of the city. Furthermore, we address the flavors of carrying out the investigation, either pleasant ones due to the satisfaction aroused by double belonging, or unpleasant due to the disappointments experienced, establishing specific barriers and contours, which imply in the possible and/or available resources in the field. We also encourage peers to enhance discussions concerning inequalities between genders in the scientific field.

KEYWORDS: Ethnography; Gender analysis; Soccer; Sociocultural territory

Referência

MARTINS, Daiane Grillo; SILVEIRA, Raquel da; KNUTH, Alan Goularte. Apontamentos sobre o fazer etnográfico: agruras e prazeres de uma pesquisadora-torcedora nas imediações de um estádio de futebol. Motrivivência. Florianópolis, v. 34, n. 65, p. 1-20, 2022.
Cadastre-se para receber novidades