De criollos e capoeiras: notas sobre futebol e identidade nacional na Argentina e no Brasil

Biblioteca

Seja um dos 26 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
Congresso

De criollos e capoeiras: notas sobre futebol e identidade nacional na Argentina e no Brasil

Ano

2002

Tema

Congresso

Área de concentração

Ciências Sociais

Nome do congresso

ANPOCS

Edição do Congresso

XXVI

Cidade

Caxambú

Entidade Organizadora

Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais

Arquivos

Resumo

O processo singular através do qual os esportes e, em particular, o futebol, difundiram-se pelo mundo, constituindo-se em uma espécie de idioma universal moderno, e, simultaneamente, transformando-se em repositórios da construção das especificidades (continentais, nacionais, regionais, locais), tem sido, nas duas últimas décadas, objeto da reflexão de muitos antropólogos, sociólogos e historiadores. No Brasil e na Argentina, alguns autores têm se debruçado sobre a forma pela qual, através do futebol, a nação tem sido representada em sua especificidade, gerando uma produção que já permite a comparação de certos resultados. O propósito desta comunicação é realizar aproximações comparativas preliminares acerca da construção da identidade nacional através do futebol, no Brasil e na Argentina, a partir do trabalho de alguns cientistas sociais, explorando certas interfaces, como, por exemplo, o valor atribuído aos indivíduos considerados como excepcionalmente habilidosos, e certas peculiaridades, como as diferentes tradições invocadas em sua construção.

Referência

GUEDES, Simoni Lahud. De criollos e capoeiras: notas sobre futebol e identidade nacional na Argentina e no Brasil. In: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais, XXVI, 2002, Caxambú. ANPOCS, Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais. Congresso, Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais, 2002.
Cadastre-se para receber novidades