Biblioteca

Seja um dos 17 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
Tese

Desenvolvimento do futebol praticado por meninas e mulheres

Ano

2021

Faculdade/Universidade

Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas

Tema

Tese

Área de concentração

Doutorado em Educação Física

Páginas

153

Arquivos

Resumo

O desenvolvimento do futebol praticado por meninas e mulheres tem atraído a atenção de praticantes, governos e cientistas do mundo todo. Apesar da crescente popularidade, poucos estudos investigaram os agentes, as estratégias e os recursos que desafiaram a hegemonia dos homens na modalidade pela perspectiva da gestão do esporte. O objetivo geral desse estudo é analisar o desenvolvimento do futebol praticado por meninas e mulheres, buscando identificar os elementos que potencializaram ou limitaram esse processo. Para analisar esse complexo fenômeno, realizamos três estudos correspondentes aos capítulos da tese. A partir da revisão integrativa realizada no Capítulo 1, definimos o desenvolvimento do esporte como um processo longitudinal de melhoria imerso em fatores sociais, políticos e econômicos. Esses aspectos influenciam a ação de agentes esportivos que podem implementar estratégias e fornecer recursos para promover a maior participação e desempenho no esporte. No Capítulo 2 analisamos o processo de desenvolvimento do futebol de mulheres em onze países do mundo que apresentam elevados níveis de participação e desempenho nos seus continentes. A partir de entrevistas semiestruturadas com agentes esportivos das diferentes nacionalidades, encontramos um futebol de mulheres em desenvolvimento, tendo os Estados Unidos (EUA) como principal referência nesse processo. O país se destaca pela participação efetiva das organizações esportivas, oferecimento de competições esportivas, estabelecimento de uma liga profissional e processo de formação de profissionais de comissão técnica. Esses elementos são apontados como necessários nos demais países investigados. A baixa quantidade de público nos estádios e de mulheres em cargos de liderança aparecem como pontos a serem melhorados tanto no sistema norte-americano quanto nos outros países. Além dos aspectos da gestão do esporte, a apropriação cultural e superação das barreiras de gênero, também aparecem como elementos fundamentais para o desenvolvimento do esporte. Por fim, no Capítulo 3 analisamos as ações da Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL) para o desenvolvimento do futebol de mulheres no continente sul-americano a partir das notícias disponíveis no site oficial da organização. As ações da CONMEBOL são recentes e propostas, na maioria dos casos, para suprir as exigências da Federação Internacional de Futebol (FIFA). Ao mesmo tempo que as notícias mostram uma preocupação dos dirigentes da confederação com o futebol de mulheres, também revelam a ausência de um programa de desenvolvimento com metas claras e objetivas. Identificamos que as competições esportivas correspondem ao primeiro e principal recurso oferecido pela CONMEBOL para as praticantes no continente. Além das contribuições teóricas, o conhecimento produzido a partir desses três estudos pode auxiliar diferentes agentes do sistema esportivo em tomadas de decisão para ampliar as oportunidades de acesso, o engajamento e a manutenção de meninas e mulheres no futebol.

Palavras-chaves: participação; desempenho esportivo; agentes esportivos; estratégia; gestão esportiva

Abstract

The development women’s football has attracted the attention of practitioners, governments and researchers worldwide. Despite its growing popularity, few studies have investigated the stakeholders, strategies and resources that challenged the hegemony of men in the sport from a sport management perspective. The general aim of this study was to analyze the development of women’s football identifying the elements that have foster or limited this process. To analyze this complex phenomenon, we carried out three studies corresponding to the thesis chapters. Based on the integrative review carried out in Chapter 1, we defined the development of sport as a longitudinal process of increasing sport participation and improving performance immersed in cultural, social, political and economic factors. Stakeholders can catalyze this process by proposing strategies of development and providing resources for sports practice. In Chapter 2 we analyze the development of women’s football in eleven countries in the world that have highest levels of participation and performance in their continents. Based on the semi-structured interviews with stakeholders from different nationalities, we found the women’s football in development, being the United States (USA) the main reference in this process. The country stands out for the effective participation of sports organizations, for offering sports competitions, for establishing a professional league and for the development of coaches and coaching staff. These elements are pointed out as necessary in the other countries. The low attendance in the stadiums and participation of women in leadership positions appear as points to be improved both in the North American system and in the other countries. In addition to aspects of sport management, cultural appropriation and overcoming gender barriers also appear as fundamental elements for the sport development. Finally, in Chapter 3 we analyze the actions of the South American Football Confederation (CONMEBOL) for the development of women’s football in the continent based on the news available on the official website of the confederation. CONMEBOL’s actions are recent and proposed, in most cases, to meet the demands of the International Football Federation (FIFA). The news shows a concern of women’s football, but reveals the absence of a development program. We identified that sports competitions correspond to the first and main resource offered by CONMEBOL for practitioners on the continent. In addition to theoretical contributions, the knowledge produced from the three studies are important to stakeholders in decision making to expand opportunities for access, engagement and maintenance of girls and women in football.

Key-words: participation; sport performance; sport stakeholders; strategies; sport management.

Sumário

INTRODUÇÃO, 11
A PESQUISADORA, 11
JUSTIFICATIVA DO ESTUDO, 13
ORGANIZAÇÃO DA TESE, 16
TESE, 18
REFERÊNCIAS, 20

CAPÍTULO 1 – DESENVOLVIMENTO ESPORTIVO: UMA REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA , 22
INTRODUÇÃO, 22
REVISÃO DE LITERATURA, 24
MÉTODOS, 26
Base de dados, 26
Busca pelos estudos, 27
Critérios de inclusão e exclusão, 29
Coleta dos dados, 29
Análise dos dados, 31
RESULTADOS E DISCUSSÃO, 32
Ano e revistas de publicação, 32
Áreas e objetos de estudo, 34
Conceito de desenvolvimento esportivo, 37
Representação geográfica: autores e investigação, 38
Modalidades e gênero, 41
Coleta de dados, 42
Nível geográfico, 44
LIMITAÇÕES, 45
CONCLUSÕES, 45
REFERÊNCIAS, 47

CAPÍTULO 2 – FUTEBOL DE MULHERES: UMA ANÁLISE INTERNACIONAL DOS FATORES DE DESENVOLVIMENTO DO ESPORTE, 55
INTRODUÇÃO, 55
REVISÃO DE LITERATURA, 56
Futebol praticado por meninas e mulheres, 56
Desenvolvimento do esporte, 58
Estudos comparativos na área de gestão do esporte, 59
MÉTODOS, 59
Participantes, 61
Etapa 1, 61
Etapa 2, 63
Coleta de dados, 65
Confiabilidade, 66
Análise dos dados, 67
RESULTADOS E DISCUSSÃO, 69
Futebol de mulheres desenvolvido ou em desenvolvimento?, 69
O recente processo de desenvolvimento do futebol de mulheres, 73
“A questão de relevância no cenário do futebol feminino é dos Estados Unidos em primeiro, segundo e terceiro lugar”, 75
Os recursos necessários para o desenvolvimentos: competições, organizações esportivas e formação de treinadores(as), 79
Os parâmetros do não desenvolvimento: a baixa presença de público nos estádios e de mulheres em cargos de liderança, 84
LIMITAÇÕES E ESTUDOS FUTUROS, 87
CONCLUSÕES, 88
REFERÊNCIAS, 89

CAPÍTULO 3 – CONMEBOL E FUTEBOL DE MULHERES: UMA ANÁLISE DAS ESTRATÉGIAS DE DESENVOLVIMENTO (IN)EXISTENTES NA AMÉRICA DO SUL, 97
INTRODUÇÃO, 97
REVISÃO DE LITERATURA, 98
Organizações esportivas no futebol, 98
Desenvolvimento do futebol praticado por homens e impedimento às mulheres, 101
Futebol de mulheres: da restrição à obrigação, 103
MÉTODOS, 106
Coleta de dados, 106
Análise dos dados, 107
Confiabilidade, 110
RESULTADOS E DISCUSSÃO, 110
Competições esportivas: o primeiro e principal recurso às praticantes, 111
Desenvolvimento do futebol de mulheres com a FIFA ou para a FIFA?, 114
Programas de desenvolvimento, 117
LIMITAÇÕES DO ESTUDO, 119
CONCLUSÕES, 119
REFERÊNCIAS, 122
PRINCIPAIS ACHADOS, 129
CONCLUSÕES, 132

TRABALHOS REALIZADOS DURANTE O DOUTORADO RELACIONADOS À TESE, 136
EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL, 136
MATERIAL DIDÁTICO PRODUZIDO, 136
PUBLICAÇÕES EM EVENTOS CIENTÍFICOS, 137
ARTIGOS CIENTÍFICOS PUBLICADOS, 137
CAPÍTULO DE LIVRO PUBLICADO, 138
TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CO-ORIENTADOS, 138
INICIAÇÕES CIENTÍFICAS CO-ORIENTADAS, 139
PREMIAÇÕES, 140
ANEXOS, 141

Referência

BARREIRA, Júlia. Desenvolvimento do futebol praticado por meninas e mulheres. 2021. 153 f. Tese (Doutorado em Educação Física) - Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2021.
Cadastre-se para receber novidades