Biblioteca

Seja um dos 17 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
Dissertação

(Des)impedimentos no futebol de mulheres

Ano

2021

Faculdade/Universidade

Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Tema

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Educação Física

Páginas

228

Arquivos

Resumo

A história da presença de mulheres no futebol brasileiro remonta ao início do século XX, fundamentalmente nas áreas urbanas. O presente estudo parte do entendimento de que os obstáculos que as mulheres vêm historicamente enfrentando para estarem no futebol estão ligados a impedimentos que antecedem sua entrada em campo, pois muitos dizem respeito a desigualdades de gênero. Mas acredito que a retomada do futebol de mulheres nos “clubes de camisa” de Porto Alegre se tornou uma nova etapa na qual é possível identificar a realização de algumas ações de desimpedimentos e de retirada de alguns obstáculos. Considerando esse novo cenário, o objetivo desta pesquisa foi compreender como se deram os (des)impedimentos do futebol de mulheres no estado do Rio Grande do Sul, mais especificamente, nos dois clubes de referência: o Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense e o Sport Club Internacional. Realizei inicialmente pesquisas documentais. Mas a ancoragem teórica e metodológica deste estudo está assentada na História Oral e na História do Tempo Presente, as quais são utilizadas tanto como procedimento para a produção de fontes como possibilidade analítica. Aproximei a investigação dos estudos de gênero e de mulheres no esporte, especialmente aqueles que contemplam narrativas biográficas. A tese, portanto, foi realizada por meio de três estudos separados que dialogam entre si e se complementam, conforme previsto no Regimento Interno do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano. Assim, depois de apresentar a contextualização do tema e seu arcabouço teórico-metodológico, desenvolvi os estudos específicos, a saber: o primeiro estudo focaliza os documentos propulsores da retomada do futebol nos “times de camisa” gaúchos e que foram produzidos pela FIFA, CONMEBOL e CBF; o segundo descreve os caminhos percorridos pelo Grêmio e Internacional no que diz respeito à reativação do futebol de mulheres, a participação nos campeonatos, a estruturação das equipes de base, entre outras ações em prol do desenvolvimento da modalidade; e o terceiro e último estudo coloca em evidência o protagonismo de mulheres em diferentes ocupações no entorno do futebol, considerando, sobretudo, suas próprias narrativas. Como resultados, foi reafirmado que a modalidade é uma prática esportiva que ainda se encontra em constante instabilidade no Brasil. Mas se em um período os marcos para as mulheres no futebol foram as perseguições e proibições e sua desvalorização, está sendo figurado por desimpedimentos e visibilidade, o que não significa afirmar que as lutas e as resistências cessaram. Ao contrário, elas continuam no cotidiano da modalidade, e algumas das vozes que conclamam direitos estão sendo ouvidas pelos donos da bola. Ao concluir minha investigação, identifiquei ações de desimpedimentos no futebol de mulheres gaúcho que foram fundamentais para conquista de títulos e manutenção dos times. A atuação das mulheres no mundo do futebol ainda carece de estudos sobre diferentes categorias de análise sociais e do conhecimento de histórias passadas, presentes e até projetadas para o futuro do esporte. É importante a manutenção do conhecimento desse futebol e a difusão de debates nesse ambiente para um caminho constante e permanente de valorização e qualificação da modalidade.

Palavras-chave: Futebol de mulheres; Grêmio; Internacional; impedimentos e desimpedimentos.

Abstract

The history of the presence of women in Brazilian football dates back to the beginning of the 20th century, mainly in urban areas. The present study starts from the understanding that the obstacles that women have historically been facing to be in football are linked to impediments that precede their entry on the field, as many are related to gender inequalities. But I believe that the resumption of women’s football in the “times de camisa” of Porto Alegre has become a new stage in which it is possible to identify the performance of some actions to clear and remove some obstacles. Considering this new scenario, the objective of this research was to understand how the (dis) impediments of women’s football occurred in the state of Rio Grande do Sul, more specifically, in the two reference clubs: Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense and Sport Club Internacional. I initially carried out documentary research. But the theoretical and methodological anchoring of this study is based on Oral History and the History of the Present Time, which are used both as a procedure for the production of sources as an analytical possibility. I approached the investigation of gender and women studies in sport, especially those that contemplate biographical narratives. The thesis, therefore, was carried out through three separate studies that dialogue with each other and complement each other, as provided for in the Internal Regulations of the Graduate Program in Human Movement Sciences. Thus, after presenting the contextualization of the theme and its theoretical-methodological framework, I developed specific studies, namely: the first study focuses on the documents that propelled the resumption of football in the “times de camisa” from Rio Grande do Sul and which were produced by FIFA, CONMEBOL and CBF; the second describes the paths taken by Grêmio and Internacional regarding the reactivation of women’s football, participation in championships, the structuring of grassroots teams, among other actions in favor of the development of the sport; and the third and last study highlights the role of women in different occupations around football, considering, above all, their own narratives. As a result, it was reaffirmed that the sport is a sport that is still in constant instability in Brazil. But if in a period the milestones for women in football were the persecutions and prohibitions and their devaluation, it is being represented by unimpeded and visible, which does not mean to say that the struggles and resistances have ceased. On the contrary, they continue in the daily life of the sport, and some of the voices that claim rights are being heard by the owners of the ball. Upon concluding my investigation, I identified clearing actions in the football of women from Rio Grande do Sul that were fundamental for winning titles and maintaining teams. The role of women in the world of football still lacks studies on different categories of social analysis and knowledge of past, present and even projected stories for the future of the sport. It is important to maintain the knowledge of this football and to disseminate debates in this environment for a constant and permanent path of valorization and qualification of the sport.

Keywords: Women’s football; Grêmio; Internacional; handicap e handicap.

Sumário

Do futebol de rua às arquibancadas de um Grenal, 15
Futebol de mulheres no Brasil: entre gols e impedimentos, 25
O desafio de estudar o presente, 51

Estudo 1 – Os donos do jogo: o futebol de mulheres nas instituições gestoras, 65
Federação Internacional de Futebol Associação – FIFA, 68
Confederação Sul-Americana de Futebol – CONMEBOL,  88
Confederação Brasileira de Futebol – CBF, 92

Estudo 2 – Futebol de mulheres do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense e do Sport Club Internacional , 112
Um pouco de história sobre o futebol de mulheres no Rio Grande do Sul, 113
O peso e o brilho de uma camisa: O retorno do futebol de mulheres no Sport Club Internacional , 117
O peso e o brilho de uma camisa: O retorno do futebol de mulheres no Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, 124
Gurias Coloradas e Gurias Gremistas: reacende a rivalidade no Gauchão 2017 , 131
Grenal em nível Nacional no ano 2018, 137
2019 – O ano Legal da “regra” do Desimpedimento, 147
Estudo 3: histórias de mulheres feitas de futebol, 157
DUDA LUIZELLI: de jogadora à coordenadora da Seleção Brasileira Feminina da CBF, 160
TATIELE DOS SANTOS SILVEIRA: melhor treinadora do Brasileiro Feminino de 2019 , 164
PATRÍCIA REGINA GUSMÃO: ex-jogadora e treinadora, Paty se torna “técnica destaque” no retorno das Gurias Gremistas, 166
SUELLEN DO SANTOS RAMOS: ex-jogadora, treinadora, pesquisadora e preparadora física, 172
LÍVIA GONÇALVES RODRIGUES: uma fisioterapeuta mulher para um time de mulheres, 176
PAMELA JORAS: primeira mulher a apitar uma partida dentro do Beira-Rio, 180
CLAIRENE GIACOBE: das traves coloradas à voz do gramado, 188
RENATA DE MEDEIROS: um amor pelo futebol que começou por dentro dos jornais , 195

Considerações finais, 204
Referências Bibliográficas, 209
Anexo i – Carta de Cessão de Direitos Autorais sobre entrevista, 225
Apêndice I – Modelo de entrevista semiestruturada, 226

Referência

MAIA, Mayara Cristina Mendes. (Des)impedimentos no futebol de mulheres. 2021. 228 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2021.
Cadastre-se para receber novidades