Biblioteca

Seja um dos 26 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
Dissertação

Futebol amador

Campo emergente de sociabilidade
Ano

2002

Faculdade/Universidade

Programa de Pós- Graduação em Sociologia, Universidade Federal do Ceará

Tema

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Sociologia

Páginas

97

Arquivos

Resumo

Esta dissertação tem como objeto de estudo o futebol amador, não-profissional. O campo empírico escolhido abrange a cidade de Juazeiro do Norte – Ceará. Considero que um estudo sociológico sobre o futebol amador deve ser orientado pela perspectiva de que, menos que uma modalidade de esporte, ele é uma prática social, um fato da vida coletiva, e como tal supõe, para existir, padrões de condutas e valores recorrentes, participados pelos sujeitos envolvidos. Assim pensando, a investigação partiu de duas indagações principais: a) Como se expressa o cotidiano do futebol amador no que diz respeito a processos de interação social vividos pelos sujeitos no interior das equipes ? b) Que sujeitos pertencentes a outros grupos sociais se relacionam com participantes e equipes do futebol amador ? A pesquisa qualitativa apresentou-se como a mais adequada para as questões colocadas nesta investigação. A orientação antropológica é fruto da própria escolha do objeto de estudo, uma vez que é “muito difícil separar o que fazer do como fazer”. (Gondim, 1999, p.19). “Batendo Bola, Batendo Cabeça. Narrações sobre a Memória do Futebol em Juazeiro do Norte” é o título do primeiro capítulo. Nele são abordados aspectos relacionados à gênesis desta prática social, tal como ela é narrada por dois sujeitos singulares, utilizando a memória como recurso metodológico. No segundo capítulo, “Campos Soterrados e Campos Emergentes. Cartografia do Futebol em Juazeiro do Norte”, apresento alguns aspectos da história, da evolução urbana e da dinâmica populacional da referida cidade como forma de auxiliar na compreensão do mapa traçado pelos campos de futebol. Assim, apresento os campos soterrados e os campos emergentes. Como também, uma análise dos nomes dos times de futebol, identificados durante a pesquisa e que se encontravam em atividade neste período. No terceiro capítulo, intitulado “Etnografia do Futebol Amador”, desenvolvo uma descrição geral do futebol amador em Juazeiro do Norte e para facilitar a reflexão sobre o tema apresento o futebol amador dividido em duas categorias, são elas: jogos “abertos” e jogos “fechados”. Nesse capítulo, apresento também uma caracterização dos sujeitos envolvidos nesta atividade. “Etnografia dos Processos de Sociabilidade” é o título do quarto capítulo. Nele apresento um registro etnográfico de três dinâmicas de jogos que foram escolhidas a partir da classificação do futebol amador nas categorias citadas acima. O quinto e último capítulo, “Futebol Amador: Lazer, Estilo de Vida e Campo Social”, vem reafirmar que o futebol é um jogo social, ou seja, o futebol adquiri outras dimensões, para os sujeitos envolvidos, para além das quatros linhas do campo.

Abstract

This dissertation aims at the amateur non-professional soccer practice as its object of study. The empirical field chosen includes the city of Juazeiro do Norte, State of Ceara. It is my belief that a sociological study about amateur soccer must be directed according to the perspective that the game is first a sociological practice, a fact of collective life, then a sport activity and as such claims as tenets of its existence, behavior patterns and recurrent values, expressed by the individual involved. From this point of view, the investigation starts by formulating two main questions: a) How do daily activities of amateur soccer are expressed if one is to consider social interaction processes as experienced by individuals within the teams? B) Which individuals belonging to other social groups relate to players and teams of amateur soccer? The qualitative research proved to be the most adequate tool to answer the questions above. The anthropological directive stems from the choice of the object of study itself since it is very difficult to separate “the what to do” from ”the how to do” (Gondim, 1999, p. 19). The first chapter is titled Kicking a ball, banging heads. Tales about the memory of soccer in Juazeiro do Norte. In this chapter, I evaluate aspects related to the origin of this social practice, as told by two persons who resort to memory as a methodological tool. In the second chapter, Buried fields, emerging fields. A chart to soccer in Juazeiro do Norte, I present some historical aspects of the city including urban development and human mobility as an auxiliary tool to help understanding the map drawn by soccer fields. In this way I present the bury fields and the emerging fields as well as an analysis of names given to the teams as identified during the research and which were in activity at the time. In the third chapter, titled Amateur soccer ethnography, I develop a general description of amateur soccer in Juazeiro do Norte and to help reflecting about the theme I divide amateur soccer in two categories, namely, “open” games and “closed” games. In this chapter I present as well a characterization of the individuals involved in this activity. The fourth chapter is titled An Ethnography of sociability processes. In this chapter I present an ethnographical record of three game dynamics that were chosen in view of the amateur soccer qualifying for the three categories above-mentioned. The fifth and last chapter, Amateur soccer: leisure, life style and social environment, reaffirms that soccer is a social game, that is, soccer is empowered by other dimensions that tackle individuals involved in its practice beyond the four field lines.

Sumário

Apresentação, 11

Introdução, 12

I – Batendo Bola, Batendo Cabeça
Narrações sobre a Memória do Futebol em Juazeiro do Norte
, 16
1. Os Narradores, 16
2. Da Bola de Meia a Bola de Couro, 18
3. Memórias do Futebol, 19

II – Campos Soterrados e Campos Emergentes
Cartografia do Futebol em Juazeiro do Norte
, 27
1. História, Evolução Urbana e Dinâmica Populacional em Juazeiro do Norte, 28
2. Os Campos Soterrados, 32
2.1. Os Campos Soterrados – antes do “Romeirão”, 32
2.2. Os Campos Soterrados – depois do “Romeirão”, 36
2.3. Os Campos Emergentes, 38
3. Análise dos nomes dos times de futebol em Juazeiro do Norte, 40

III – Etnografia do Futebol Amador, 43
1. O Futebol amador em Juazeiro do Norte: descrição geral, 43
2. Caracterização dos Sujeitos, 48

IV – Etnografia dos Processos de Sociabilidade, 65
1. O “Racha” dos malucos: Um caso exemplar de jogo “aberto”, 65
2. Um exemplo de jogo “fechado”: Bragantino X Fortaleza, 70
3. O Treino do Vila Alta e do Vasco do Horto: Jogo “aberto” e jogo “fechado”, 80

V – Futebol Amador: Lazer, Estilo de Vida e Campo Social, 82

VI – Referências Bibliográficas, 89

VII – Anexos, 93

Referência

GONçALVES, Alana Mara Alves. Futebol amador: Campo emergente de sociabilidade. 2002. 97 f. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Programa de Pós- Graduação em Sociologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2002.
Cadastre-se para receber novidades