Biblioteca

Seja um dos 17 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
Dissertação

Futebol televisivo e práticas de sociabilidade em rede

Ano

2021

Faculdade/Universidade

Faculdade de Comunicação Social, Universidade Federal de Juiz de Fora

Tema

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Comunicação

Páginas

115

Arquivos

Resumo

Esta dissertação tem como objetivo principal investigar criticamente as práticas de sociabilidade relacionadas a experiência do futebol televisivo e desenroladas em espaços digitais. Para tanto, acionamos um debate teórico calcado, inicialmente, em três conceitos capazes de tematizar esse falar sobre o futebol: a conversação em rede e a Social TV, atreladas ao digital e pensadas de maneira integrada; e aquilo que Eco (1984) chamou de falação esportiva, concepção que se volta para dimensões discursivas dessas práticas e que dá ao trabalho os primeiros indícios críticos do processo de racionalização ao qual o esporte é submetido. Passado esse primeiro momento, nos dedicamos a uma análise do que chamamos de dialéticas do futebol televisivo, tensões expressas em diversas pulsões contraditórias típicas da forma moderna do jogo (despretensão lúdica vs institucionalização; teatralidade vs televisualidade; entretenimento vs jornalismo; clubismo vs razoabilidade; entre outras). Ainda nessa esteira, refletimos sobre a dimensão política dos afetos futebolísticos, avançamos no estudo da experiência do futebol televisivo e apontamos problemáticas referentes aos processos de identificação subjetiva nos espaços digitais. Após esse itinerário teórico, retornamos então às referidas práticas de sociabilidade por intermédio de uma apreensão empírica que buscou contextualizar debates desenrolados em respostas de espectadores a publicações, no Twitter, dos perfis de três emissoras de TV por assinatura que trabalham exclusivamente com a editoria esportiva: ESPN Brasil, Esporte Interativo e Fox Sports Brasil. Providos de expressões materiais de novas pulsões dialéticas, concluímos o trabalho constatando que a padronização da experiência do futebol televisivo, tributária do esvaziamento referencial provocado pela referida racionalização do esporte e das suas formas de representação, acaba por se adequar a lógicas de sociabilidade próprias do digital, gerando nos torcedores/espectadores/interagentes novas tensões no trato com a negatividade que emerge de todo processo de identificação (especialmente daqueles de ordem clubística).

PALAVRAS-CHAVE: Futebol; Televisão; Twitter; Falação esportiva; Identificações clubísticas.

Abstract

This essay has as main object to investigate critically the sociability practices related with the experience of television soccer and occurred in digital spaces. Therefore, we set a theoretical debate based on, initially, three concepts capable of theming this talking about soccer: the network conversation and Social TV, linked to the digital and thought of an integrated manner; and that what Eco (1984) called of sports chatter, a concept that comes back to discourse dimensions of this practices and that bring to the work the first critical evidence of rationalization process to which the sport is subjected. Passed this first moment, we dedicate to an analysis of what we called of television soccer dialectics, expressed tensions in several contradictory drives typical of the modern way of game (unpretentious play vs institutionalization; theatricality vs televisuality; entertainment vs journalism; clubism vs reasonableness; among others). Still on this sense, we have reflected about the political dimensions of soccer affections, we have moved forward the study of television soccer experience and pointed out the problematics related to the subjective identification process at the digital spaces. After this theoretical schedule, we have turned back to the so-called sociability practices through an empirical apprehension that looked for contextualize unfolded debates in spectators’ answer to posts, on Twitter, from the profile of three pay TV broadcasters that work exclusively with sports publishing: ESPN Brasil, Esporte Interativo e Fox Sports Brasil. Provided with material expressions of new dialectical drives, we finish the work noting that the standardization of the television soccer experience, resulting from the referential emptying caused by the referred sport rationalization and its forms of representation, ends up adapting to sociability logics particular from digital, generating in fans/spectators/interactants new tensions in dealing with the negativity that comes from each identification process (especially those of club origin).

KEYWORDS: Soccer; TV; Twitter; Sports chatter; Club identifications.

Sumário

1. INTRODUÇÃO, 11

2. FALAR SOBRE O FUTEBOL TELEVISIVO, 15
2.1 Conversação em rede, 15
2.2 Social TV, 20
2.3 Falação esportiva, 24

3. DIALÉTICAS DO FUTEBOL TELEVISIVO, 30
3.1 Despretensão versus modernização, 30
3.2 Torcida e esfera pública, 39
3.3 Experiência do futebol televisivo, 42
3.4 Identificação e alteridade no digital, 46

4. PRÁTICAS DE SOCIABILIDADE EM REDE: MAPEAMENTO E ANÁLISE, 52
4.1 Parâmetros de coleta dos dados, 55
4.2 Contextualização dos dados, 59
4.2.1 Domingo (08/11/20), 60
4.2.2 Segunda-feira (09/11/20), 65
4.2.3 Terça-feira (10/11/20), 72
4.2.4 Quarta-feira (11/11/20), 79
4.2.5 Quinta-feira (12/11/20), 84
4.2.6 Sexta-feira (13/11/20), 91
4.2.7 Sábado (14/11/20), 96
4.3 Análise das práticas de sociabilidade, 101

5. CONSIDERAÇÕES FINAIS, 109
6. REFERÊNCIAS, 113

Referência

BASTOS, Antonio Edson Alcântara. Futebol televisivo e práticas de sociabilidade em rede. 2021. 115 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Faculdade de Comunicação Social, Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2021.
Cadastre-se para receber novidades