Biblioteca

Seja um dos 13 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
ISSN 2182-2891

Jogar, lutar, torcer: olhares etnográficos sobre futebol e rituais ameríndios

Periódico / Revista

Etnográfica

Número

n. 1

Ano

2023

Volume

v. 27

Páginas

p. 27-50

Arquivos

Resumo

O artigo é um esforço de síntese para apresentar uma subárea dos estudos sobre esportes nas ciências sociais no Brasil, denominada de Antropologia das Práticas Esportivas. Trata-se de descritor acadêmico que visa articular os usos de algumas noções que definem o vasto campo de experiências lúdicas com a produção contextual de dados empíricos. Modelos sociológicos de amplo espectro, que operam noções como jogo e esporte, são colocados à prova das experimentações etnográficas. Objetiva-se alcançar paisagens mais descontínuas por intermédio da relação entre duas faculdades sensíveis, jogar e olhar, constitutivas de um modelo denominado de modelo das relações. O exame da dialética entre olhar e jogar permite que fenômenos esportivizados distintos, desde a ubíqua prática do futebol a uma determinada luta corporal xinguana, ambas analisadas do ponto de vista da categoria torcer, mantenham as possibilidades analíticas comparativas na diferença.

Palavras-chave: Antropologia das práticas esportivas, corporalidades, modelos etnográficos

Abstract

The article is a synthesis effort to present a sub-area of sports studies in social sciences in Brazil, called Anthropology of Sportives Practices. It is an expression that articulates the uses of some notions that define the vast field of playful experiences with the contextual production of empirical data. Broad spectrum sociological models that operate notions such as games and sports are put to the test of experiments and extensions of ethnographic models. In this case, the objective is to achieve more discontinuous landscapes in which the meanings of what we define by “to play” and “to watch” – sensitives faculties that orders expressive corporealities – assume a more universal symbolic nexus than properly historical phenomena, such as games, hobbies and sports. The examination of the dialectic between watch and play allows different sportive practices, such as football and a specific Xingu wrestling, analyzed from the point of view of the category “cheers” (fans), to maintain their comparative properties in the difference.

Keywords: Anthropology of sportive practices, corporealities, ethnographical models

Referência

TOLEDO, Luiz Henrique de; COSTA, Carlos Eduardo. Jogar, lutar, torcer: olhares etnográficos sobre futebol e rituais ameríndios. Etnográfica. Lisboa, v. 27, n. 1, p. 27-50, 2023.
Ludopédio

Acompanhe nossa tabela do Campeonato Brasileiro - Série A