Biblioteca

Seja um dos 21 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
Tese

Uma abordagem territorial dos megaeventos esportivos em Belo Horizonte/MG

Análise e interpretação do processo de desterritorialização dos antigos barraqueiros do Mineirão
Ano

2018

Faculdade/Universidade

Instituto de Geociências, Universidade Federal de Minas Gerais

Tema

Tese

Área de concentração

Doutorado em Geografia

Páginas

366

Arquivos

Resumo

Os megaeventos esportivos internacionais são eventos de proporções gigantescas, que exigem investimentos elevados, com duração de curto prazo e consequências de longo prazo para as cidades-sede; interferindo diretamente na dinâmica territorial, no fluxo de visitantes e na organização do espaço turístico, bem como no planejamento dos grandes centros urbanos, com reverberação na vivência territorial dos moradores locais. Considerando a complexidade e repercussão desse fenômeno, esse estudo se propôs a analisar a percepção das vivências dos atores de determinado grupo – envolvidos diretamente com esse tipo de evento – com o objetivo de se apreender e compreender os impactos percebidos, por meio da desterritorialização desses atores. Para tal análise, foi escolhido o grupo focal antigos barraqueiros do Mineirão, por possuir uma vivência no território em torno do Estádio Governador Magalhães Pinto (conhecido como Mineirão); no período compreendido entre a preparação, duração e finalização da Copa do Mundo de 2014, realizada em diversas cidades brasileiras, entre elas, Belo Horizonte. A abordagem foi realizada, principalmente, através da análise da fala e relatos dos barraqueiros sobre as consequências sofridas em seu exercício de territorialidade, em decorrência da realização desse evento específico. Assim, pretendeu-se analisar a vivência territorial desses sujeitos, a partir da realização desse megaevento internacional na cidade de Belo Horizonte. O estudo avaliou a configuração do território – antes e após a realização da Copa de 2014 – os conflitos entre os atores diretamente envolvidos e o processo de desterritorialização por eles enfrentado, por meio das visões distintas dos atores escolhidos, a partir de seu lugar e papel social. Como aporte teórico nos apoiamos na etnogeografia, por meio de uma abordagem etnográfica, baseada na percepção dos envolvidos. Aproximando-se do território em disputa, buscou-se compreender as repercussões no cotidiano das pessoas que recebem os megaeventos e/ou que atuam na organização e desenvolvimento de eventos dessa natureza. Tendo como essência geográfica privilegiada o Território, sobretudo, em uma abordagem que privilegia a percepção dos envolvidos, a qual constitui contribuição – em uma ótica de análise não convencional – dos processos vinculados a estes fenômenos. Os resultados alcançados foram o resgate do valor cultural, por meio dos documentos e relatos do grupo (sendo feito um registro histórico do mesmo), além de ter propiciado, por meio de aportes teóricos, a compreensão do processo de desterritorialização vivenciado, a fim de elucidar dados mais perceptíveis a essa análise. O estudo possui um caráter de originalidade, por realizar-se a partir de uma ótica humanística. Visou-se concretizar uma reflexão e ampliação dos conhecimentos sobre o tema, e a estruturação de uma contribuição teórica em prol da mitigação desses impactos, sob a ótica do território, da territorialidade e da identidade.

Palavras-chave: megaevento esportivo; barraqueiros do Mineirão; Copa 2014; território; desterritorialização; Belo Horizonte; Turismo; Geografia.

Abstract

International sport mega events are huge events that require high investments, with short-term durations and long-term consequences for host cities; directly interfering with the territorial dynamics, the flow of visitors and the organization of the tourist space, as well as the planning of large urban centers, with reverberation in the territorial experience of the local residents. Considering the complexity and repercussion of this phenomenon, this study intends to analyze the perception of the experiences of the actors of a certain group – directly involved with this type of event – with the objective of apprehending and understanding the perceived impacts through the deterritorialization of these actors. For this analysis, the focal group was chosen old barraqueiros of the Mineirão, for having an experience in the territory around the Governor Magalhães Pinto Stadium (Mineirão); in the period between the preparation, duration and finalization of the 2014 World Cup, held in several Brazilian cities, including Belo Horizonte. The approach was carried out, mainly, through the analysis of the speech and reports of the barraqueiros on the consequences suffered in their day to day, as a result of the accomplishment of this specific event. Thus, we intend to analyze the territorial experience of the actors directly affected, as a result of the international mega-events in the city of Belo Horizonte. The study evaluated the configuration of the territory – before and after the 2014 World Cup – the conflicts between the actors directly involved and the process of deterritorialization faced by them, through the different views of the chosen actors, from their place and role Social. As theoretical contributions, we rely on ethnogeography, through an ethnographic approach, based on the perception of those involved. Approaching the territory in dispute, we sought to understand the repercussions in the daily life of the people who receive the mega-events and / or who act in the organization and development of events of this nature. Having as a privileged geographic essence, the Territory, especially in an approach that privileges the perception of those involved, which constitutes a contribution of non-conventional analysis of processes linked to these phenomena. The results obtained were the rescue of the culture value, through the documents and reports of the group, and a historical record of the same was made, besides having provided, through theoretical contributions, the understanding of the process of deterritorialization experienced, in order to elucidate more perceptible data to this analysis, having, moreover, a character of originality because it is a humanistic view. The objective was to reflect on and expand the knowledge on the subject and the structuring of a theoretical contribution to the mitigation of these impacts, from the point of view of territory, territoriality and identity.

Keys words: mega events, the barraqueiros Mineirão, the 2014 World Cup, territory, deterritorialization, Belo Horizonte, tourism, geography.

Sumário

1. Introdução, 14
1.1 Motivo da escolha do tema, 17
1.2 Relevância da proposta de pesquisa, 19
1.3.Objetivos, 23
1.3.1 Objetivo Geral, 23
1.3.2 Objetivos Específicos, 24
1.4.Percursos metodológicos da pesquisa, 24
1.4.1 Aproximações prévias com o tema – trabalhos relacionados e reconhecimentos de campo, 24
1.4.2 Demais procedimentos metodológicos para o desenvolvimento da Pesquisa, 32
1.4.3 Análise das características do grupo focal pesquisado em relação ao processo de desterritorialização, 44

2. Aspectos conceituais norteadores, 52
2.1 Impactos da atividade turística e planejamento, 55
2.2 Megaeventos e as cidades, 58
2.3 Geografia e a dimensão cultura vinculada ao território, 63
2.4 Aportes teórico-conceituais sobre o território – características, 65
2.4.1 Território, territorialidade e poder, 68
2.4.2 Identidade, 72
2.4.3 Desterritorialização e reterritorialização, 77

3. Processos públicos de preparação do megaevento Copa 2014 em Belo Horizonte, 81
3.1 Análises de documentos do processo administrativo junto a Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, 81
3.2 Análise de documentos do Processo Administrativo dos antigos barraqueiros junto à Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais, 100
3.2.1 Caracterização dos barraqueiros do Mineirão na disputa pelo território, 100

4. A dimensão simbólica e cultural do território “entorno do Mineirão”, 109
4.1 – A territorialidade dos barraqueiros, 111
4.2 A relação estabelecida entre o alimento e o território, 115
4.2.1 A questão do feijão tropeiro – aspectos culturais e a apropriação simbólica do Território, 115
4.2.2 O tropeiro do Mineirão, 124
4.3 Uma discussão sobre o tropeiro que é feito (e servido) dentro do estádio, 128
4.3.1 Diversos aspectos sobre a logística de preparo e distribuição do tropeiro dentro do Mineirão, 132

5. Percepção dos antigos barraqueiros do Mineirão sobre o processo de desterritorialização, 143
5.1 Experiência territorial dos antigos barraqueiros do Mineirão, 143
5.2 Estratégias de sobrevivência – territórios de resistência, 263
5.2.1 Memorial descritivo dos eventos acompanhados – reterritorialização, 268
5.2.2 Novos usos do território do entorno do Mineirão, 284

6. Considerações Finais, 293

7. Referências Bibliográficas, 308

APÊNDICES, 317
ANEXOS, 324

Referência

TRIGUEIRO, Karla. Uma abordagem territorial dos megaeventos esportivos em Belo Horizonte/MG: Análise e interpretação do processo de desterritorialização dos antigos barraqueiros do Mineirão. 2018. 366 f. Tese (Doutorado em Geografia) - Instituto de Geociências, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2018.
Cadastre-se para receber novidades