Força Física e essência masculina: do decreto lei até o BBB21

Inscreva-se no canal do Ludopédio!

Aira F. Bonfim

Mestre em História pela FGV com pesquisas dedicadas à história social do futebol praticado pelas brasileiras da introdução à proibição (1915-1941). É produtora, artista-educadora e por 7 anos esteve como técnica pesquisadora do Museu do Futebol. O futebol de várzea, os  debate sobre patrimônios e mais recentemente o boxe e o circo, são alguns temas em constante flerte.  

Bernardo Gonzales

Transmasculino, professor e militante de causas sociopolíticas, em especial as que se referem as pessoas LGBTQIA+. Jogador de futebol amador, atuou e atua na coordenação e no elenco de times de futebol de homens transexuais e transmasculinidades em São Paulo e desde então propõe reflexões acerca de outras possibilidades de futebóis.

Fidel Machado

Bacharel em Educação Física pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Mestre em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Pesquisador do Grupo de Pesquisa em Filosofia e Estética do Movimento (GPFEM - Unicamp).
Veja também:
  • 30 de novembro de 2021

    Como foi jogar o primeiro mundial da FIFA?

    Silvana Vilodre Goellner, Juliana Cabral
  • 26 de novembro de 2021

    A diversidade de corpos negros no futebol

    Júlia Belas, Roberta Pereira da Silva
  • 23 de novembro de 2021

    Trans masculinidades Negras no esporte

    Fidel Machado, Leonardo Peçanha