Biblioteca

Seja um dos 9 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
ISSN 1983-7194

Análise de formas de aquisição e recuperação da bola de jogos de futebol profissional europeus e sul-americanos

Arquivos

Resumo

Introdução: A análise de jogo é utilizada para avaliar a realização das ações de jogadores e equipes, ao fornecer informações importantes para treinadores, permitindo organizar e desenvolver a atuação de ambos nas partidas. No futebol, estas análises devem incluir indicadores de desempenho que estejam relacionados com aspectos individuais e coletivos realizados na partida.

Objetivo: Descrever os padrões de recuperação da posse de bola de quatro equipes de futebol que chegaram à final das principais competições entre clubes da América do Sul e da Europa.

Metodologia: A amostra foi composta por 3.743 sequências ofensivas realizadas durante os jogos disputados pelas duas melhores equipes da Copa Libertadores da América 2013 (Atlético Mineiro-BRA e Olímpia-PAR) e da UEFA Champions League 2012/2013 (Bayern de Munique-ALE e Borussia Dortmund-ALE). Analisaram-se as formase locaisde aquisição ou recuperação da bola, por meio de um campograma, dividido em 12 zonas (3 corredores e 4 setores), como base para o registro das informações. Para a coleta dos dados, utilizou-se a observação de imagens de vídeo a partir de
partidas transmitidas por rede de televisão, sendo analisadas 14 partidas de cada equipe sul americana e 13 partidas de cada equipe europeia. As observações dos vídeos dos jogos foram
realizadas através do “software” de vídeo Windows Media Player®. Foi realizada análise descritiva de frequência absoluta e relativa para o FAR e o LAR. O teste do qui-quadrado (χ2) foi utilizado para comparação da distribuição das variáveis categóricas analisadas. Foi considerado nível de significância de p<0,05. Todos os procedimentos foram realizados através do IBM® SPSS, v.22.

Resultados: As equipes recuperaram a bola mais vezes por meio de interceptações (Atlético-MG: 167; Olímpia: 529; Bayern: 294; Borussia: 394). Em relação ao local, foram mais aquisições ou
recuperações da bola no setor médio defensivo (Atlético-MG: 155; Olímpia: 362; Bayern: 266; Borussia: 298). Atlético-MG (χ² – 35,678; p<0,001), Olímpia (χ² – 122,550; p<0,001), Bayern – (χ² -112,773; p<0,001) e Borussia (χ² – 843,447; p<0,001).

Conclusão: As melhores equipes da Copa Libertadores da América 2013 e da UEFA Champions League 2012/2013 recuperaram ou adquiriram a bola mais vezes através de interceptações às tentativas de passe das equipes adversárias. Além do mais, foi no setor médio defensivo que as equipes mais recuperaram a bola.

Abstract

Introduction: Match analysis is used to evaluate the performance of players’ and teams’ actions, by providing important information for coaches, allowing them to organize and develop their performance in matches. In soccer, these analyzes should include performance indicators that are related to individual and collective aspects of the game.

Objective: Describe the patterns of recovery of possession of four soccer teams that reached the final of the main competitions between clubs in South America and Europe.

Methodology: The sample consisted of (3743) offensive sequences played during matches played by the two best teams of the Copa Libertadores 2013 (Atlético-MG and Olímpia-PAR) and UEFA Champions League 2012/2013 (Bayern Munich-ALE and Borussia Dortmund-ALE). An analysis of the form and place of acquisition or recovery of the ball was carried out using a static observational grid, which divided the field in 12 zones (3 corridors and 4 sectors), as a basis for recording the information. For data collection, we used the observation of video images from matches transmitted by the television network, with 14 matches from each South American team and 13 matches from each European team being analyzed. Observations of the games’ videos were made using the Windows Media Player® video “software”. Descriptive analysis of absolute and relative frequency was performed for FAR and LAR. The chi-square test (χ2) was used to compare the distribution of the categorical variables analyzed. Significance level of p <0.05 was considered. All procedures were performed using IBM® v.22 SPSS.

Results: The teams recovered the ball more often through interceptions (Atlético-MG: 167; Olímpia: 529; Bayern: 294; Borussia: 394). Regarding the location, the ball was acquired/recovered more times in the defensive midfield (Atlético-MG: 155; Olímpia: 362; Bayern: 266; Borussia: 298). Atlético-MG (χ² – 35.678; p <0.001), Olímpia (χ² – 122.550; p <0.001), Bayern – (χ² – 112.773; p <0.001) and Borussia (χ² – 843.447; p <0.001).

Conclusion: The best teams in the Copa Libertadores da América 2013 and the UEFA Champions League 2012/2013 acquired/recovered the ball more often through intercepting passes from the opposing teams. Furthermore, the teams recovered the ball more often in the defensive midfield.

Referência

FERREIRA, Rodrigo de Brito; AMéRICO, Henrique Bueno; SILVINO, Marcos Paulo de Freitas; SANTOS, Rodrigo de Miranda Monteiro; TEOLDO, Israel. Análise de formas de aquisição e recuperação da bola de jogos de futebol profissional europeus e sul-americanos. Revista Brasileira de Futebol. Viçosa, v. 13, n. 3, p. 29-40, 2020.
Cadastre-se para receber novidades