"Empresarização" e controle: o caso do Figueirense Futebol Clube

Biblioteca

Seja um dos 18 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
ISSN 1679-3951

“Empresarização” e controle: o caso do Figueirense Futebol Clube

Periódico / Revista

Cadernos EBAPE.BR

Número

n. 3

Ano

2007

Volume

v. 5

Cidade

Rio de Janeiro

Páginas

p. 1-16

Arquivos

Resumo

Este artigo analisa como o processo de “empresarização” no Figueirense Futebol Clube (SC) influencia seus mecanismos de controle organizacional. Aqui, entende-se “empresarização” como o processo pelo qual uma organização adota características e traços típicos de organizações empresariais. O artigo caracteriza-se como descritivo-interpretativo, e a escolha desse clube deu-se de modo intencional e não probabilistico, porque reúne características que permitem situá-lo como caso ilustrativo das questões que permeiam este estudo e dada a sua representatividade no atual cenário futebolístico brasileiro. Neste estudo se percebeu que o clube de futebol tem modificado seus mecanismos de gestão e de controle, adaptando-se aos elementos caracterizadores da expansão da lógica de mercado presentes no ambiente. A perda da dimensão substantiva de atividades como o futebol é a preocupação de fundo que perpassa este artigo. Este questiona sobre o que irá substituir as práticas desportivas e também a cultura e o ócio na cimentação social dos indivíduos, bem como seus laços de pertença e a sua identidade cultural.

“Empresarização”; Controle; Figueirense Futebol Clube

Abstract

This work analyzes of that it forms the process of “empresarizacion” in Figueirense Futebol Club (SC) exerts influence on its mechanisms of organizational control, “empresarizacion” is understood, here, as the process for which an organization adopts characteristics and typical traces of enterprise organizations. The present study it is characterized as description-interpretative. The choice of this club was given in intentional and not probabilistic way, because it congregates characteristics that allow to point out it as case to illustrate the questions that are part of this study and given its representation in the current Brazilian football scene. It was perceived, in this study, that the soccer club has modified its mechanisms of management and control, and so to adapt itself it the elements that it characterizes of the expansion of the market logic gifts in the environment. The loss of the substantive dimension of activities as the soccer is the concern of deep that it seats this work, that questions on what it will go to also substitute practical porting but the culture in the social face-hardenings of the individuals, its bows of belongs and its cultural identity.

“Empresarizacion”; control; Figueirense Soccer Club

Referência

GONçALVES, Julio Cesar de Santana; , . “Empresarização” e controle: o caso do Figueirense Futebol Clube. Cadernos EBAPE.BR. Rio de Janeiro, v. 5, n. 3, p. 1-16, 2007.
Cadastre-se para receber novidades