Biblioteca

Seja um dos 22 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
ISBN 9788569942016
Libertadores da América

O Milagre do Horto

Ano

2016

Tema

Libertadores da América

Área de concentração

Clube de futebol

Páginas

144

Editora

Coletivo Editorial

Sinopse

Como cada atleticano, famoso ou anônimo, sentiu-se quando o juiz chileno Patricio Polic marcou aquele pênalti de Leonardo Silva em Aguilar, em 30 de maio de 2013, no estádio Independência, no bairro Horto? E quando o atacante Riascos partiu para a cobrança, aos 48 minutos do segundo tempo da partida contra o Tijuana pelas quartas de final da Copa Libertadores? O que passou pela cabeça de todos quando Victor defendeu o pênalti com o pé esquerdo, colocando o Galo na semifinal da competição que conquistaria em julho?

O relato de todas essas sensações, descritas por torcedores, jornalistas, dirigentes, ex-jogadores e ídolos do clube estão em “O Milagre do Horto”. A obra é um produto oficial do Clube Atlético Mineiro e tem caráter beneficente. Por contrato, todos os 40 autores abriram mão de qualquer ganho com suas respectivas participações no livro para beneficiar instituições de caridade que o próprio Victor escolher. O preço do livro é de R$ 47,57, um simbolismo com a defesa milagrosa, ocorrida aos 47 minutos e 57 segundos de jogo.

A partida contra o Tijuana, do México, que terminou empatada em 1 a 1, ficou marcada na memória atleticana não apenas pela inusitada defesa de um pênalti com os pés aos 48 minutos do segundo tempo de uma partida eliminatória de uma competição continental, mas como a marca de uma virada sem precedentes na história do clube. Victor foi alçado à condição de ídolo, ganhou a alcunha de “São Victor” e ajudou a conduzir o time às conquistas não apenas da Libertadores, como também da Copa do Brasil no ano seguinte, os dois títulos mais importantes da história do clube desde a conquista do Campeonato Brasileiro de 1971.

Entre os autores, os protagonistas do lance histórico, o goleiro Victor e o zagueiro Leonardo Silva, atual capitão atleticano, além do atual presidente Daniel Nepomuceno, do então dirigente máximo do clube, Alexandre Kalil, do diretor de comunicação Domênico Bhering e do diretor de Planejamento, Rodolfo Gropen. Ídolos históricos do clube, como Reinaldo e Taffarel, também marcam presença, assim como os jornalistas Fred Melo Paiva, Mário Marra, Fael Lima, Leonardo Bertozzi, Eduardo Ávila, Janice Castro, Igor Assunção, Bolivar, Paula Rangel e Ricardo Galuppo, o narrador Mário Henrique Caixa, o blogueiro Bruno Tostes, o cineasta Lobo Mauro e torcedores atleticanos de várias partes do Brasil e do mundo. O livro conta também com uma charge especial feita pelo cartunista Duke e fotos inéditas de Gabriel Castro e Daniel Teobaldo. Os organizadores da obra, que também contribuíram com textos, são o jornalista Frederico Jota, o ilustrador André Fidusi e o publicitário Fernando Gregori.

O livro ainda conta com um espaço interativo, reservado para que cada leitor possa contar o que viveu em 30 de maio de 2013 e fazer seu testemunho do dia em que o Milagre do Horto aconteceu, além de um exclusivo marcador de páginas destacável.

Referência

FIDUSI, André; GREGORI, Fernando; JOTA, Frederico. O Milagre do Horto. Pindamonhangaba: Coletivo Editorial, 2016.
Cadastre-se para receber novidades