Biblioteca

Seja um dos 14 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
Dissertação

Apoio Técnico nas Escolas de Futebol do Figueira Cultura e Tempos Livres, EEM

(escolinhas, infantis, iniciados)
Ano

2014

Faculdade/Universidade

Instituto Politécnico da Guarda, Escola Superior de Educação, Comunicação e Desporto

Tema

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Treino Desportivo

Páginas

116

Arquivos

Resumo

Ser Treinador de Futebol é uma tarefa complexa que exige um entendimento do fenómeno em causa como sendo um sistema de interações. A natureza deste trabalho é rica por unir dois tipos de conhecimento: o teórico e o prático. Deste modo, este Relatório de Estágio Profissionalizante constitui-se como mais um caso particular de um documento elaborado com o objetivo de contribuir para a reflexão na área do treino de futebol. Planear, conduzir, intervir e avaliar o processo de treino como um todo, requer uma dedicação durante todos os momentos do processo, assim como um profissionalismo sério. O trabalho foi realizado na Figueira Cultura e Tempos Livres, no escalão de Escolinhas (traquinas e benjamins), Infantis e Iniciados. As equipas de escolinhas participaram nos encontros de futebol, enquanto as equipas de infantis e iniciados disputaram o Campeonato Distrital da Associação de Futebol da Guarda. Os objetivos passaram por criar hábitos competitivos nas equipas e formar os jovens como atletas e cidadãos. Tratando-se da primeira experiência de treinador como líder do processo, nem sempre foi fácil reagir às condicionantes do contexto. Contudo, foi uma experiência enriquecedora, porque forneceu bastantes aspetos passíveis de reflexão profunda. Relativamente aos jogadores e à equipa, também foi um ano positivo, na medida em que os mesmos evoluíram de forma substancial como jogadores e pessoas. Em função dos objetivos traçados, a equipa conseguiu alcançar sucesso em muitas ocasiões. No entanto, a reflexão deverá continuar a fazer parte da nossa forma de estar no futebol, porque só associando a reflexão ao processo de treino é que poderemos enriquecer a nossa condução do processo.

Palavras-chave: FUTEBOL, ESTÁGIO PROFISSIONALIZANTE, TREINO, TREINADOR, ETAPAS DE ENSINO

Abstract

Being a football coach is complex task that requires an understanding of the phenomenon in question as being a system of interactions. The nature of this essay is rich because it joins two types of knowledge the theoretical and the practical. Thus, this vocational training report considers itself as one more particular case of a document drawn up with the aim of contributing to the reflection in the area of football. Planning, leading, acting and evaluating the process as a whole, requires a dedication during all the time of the process as well as a serious professionalism. The work was done in Figueira Cultura e Tempos Livres, at the level of Escolinhas (traquinas e benjamins), Infantis e Iniciados( children and starters). The school teams had participated in football matches, while children and starters teams played the championship of the “Distrital Associação de futebol da Guarda”. The aims created competitive habits in the teams and trained young people as athletes and citizens. Being the first experience as a leader of the process, it hasn´t been always easy reacting to the conditions of the context. However it was an enriching experience, because it provided many aspects likely of deep reflection. In relation to the players and the team it has also been a positive year, in that way that the same developed in a substancial way as players and as individuals. According to the outlined goals, the team many times managed to achieve success. However, the reflection should continue to make part of our way of being in Football, because only linking the reflection to the training process it will be able to enrich our conduct of the process.

Keys Words: FOOTBALL, PROFESSIONALIZING PERIOD OF TRAINING, TRAINING, COACH, STAGES OF EDUCATION

Sumário

Parte I – Introdução, 8

Parte II – Revisão da literatura, 11
1 – Futebol, 12
1.1 – A natureza do futebol, 13
1.2 – Fases do jogo, 15
1.2.1 – O processo ofensivo do jogo de futebol, 18
1.2.2 – O processo defensivo do jogo de futebol, 20
1.3 – Princípios do jogo, 21
1.4 – O futebol e os jovens, 23

2 – Metodologia do ensino/ treino, 24

3 – Treino desportivo/ Treinador de jovens, 26
3.1 – Treino desportivo, 28
3.2 – Treinador desportivo, 29
3.2.1 – Funções e qualidades do treinador, 31
3.2.2 – Treinador de futebol juvenil, 33

4 – Maturação e desenvolvimento físico, 34
4.1 – Fases sensíveis da treinabilidade, 38

5 – Princípios orientadores dos técnicos desportivos, 39

Parte III – Contextualização do local de estágio, 45
1 – Caracterização histórica, 46
2 – Localização geográfica, 47
3 – Caracterização do local de estágio, 47
4 – Caracterização do clube, 48
5 – Caracterização do grupo de trabalho, 49
5.1 – Escalão de escolinhas, 49
5.2 – Escalão de infantis, 50
5.3 – Escalão de iniciados, 51
6 – Caracterização do Estádio Municipal, 52

Parte IV – Objetivos, 53
1 – Objetivos do estágio, 54
2 – Objetivos das equipas, 54

Parte V – Atividades desenvolvidas, 56
1- Atividades desenvolvidas, 57
1.1 – Planificação, 58
1.2 – Nos jogos dos iniciados e infantis, 58
1.3 – No escalão de escolinhas, 59
1.3.1 – Etapas de ensino, 59
1.4 – Encontro de escolinhas, 60
1.5 – Campeonato de infantis e iniciados, 61
1.6 – Handfoot, 62
1.7 – «Atleta+Acompanhante» – Atividade final, 63

Parte VII – Reflexões e Conclusões finais, 65
1 – Reflexão final, 66
1.1 – Planificação, 66
1.2 – Nos jogos dos iniciados e infantis, 67
1.3 – No escalão de escolinhas, 67
1.3.1 – Etapas de ensino, 68
1.4 – Encontro de escolinhas, 69
1.5 – Campeonato de infantis e iniciados, 70
1.6 – Handfoot, 71
1.7 – «Atleta+Acompanhante» – Atividade final, 72

2 – Conclusões finais, 73
Parte VII – Bibliografia/ Legislação, 74
Parte VIII – Anexos, 80

Referência

FARINHA, Ricardo Miguel Moutinho. Apoio Técnico nas Escolas de Futebol do Figueira Cultura e Tempos Livres, EEM: (escolinhas, infantis, iniciados). 2014. 116 f. Dissertação (Mestrado em Treino Desportivo) - Instituto Politécnico da Guarda, Escola Superior de Educação, Comunicação e Desporto, Guarda, 2014.