Biblioteca

Seja um dos 12 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA
ISSN 1981-3341

Football and the self-determination process in Catalonia (2012-2021): finding gaps in the literature

Periódico / Revista

Ponto Urbe

Número

n. 29

Ano

2021

Arquivos

Resumo

O artigo apresentará as lacunas na literatura na Antropologia Política e sua relação com o esporte, particularmente o futebol, com foco no processo secessionista catalão na Espanha. No processo de autodeterminação que está acontecendo na Catalunha desde 2012 – especialmente nas campanhas de independência de organizações pró e anti-independência antes do referendo de 2017 – o futebol e os torcedores são elementos constantes deste movimento. Em particular, aqueles dos dois principais clubes de futebol da Catalunha se encontraram no centro do movimento, o FC Barcelona e o RCD Espanyol. O artigo está interessado em analizar o grau de politização do futebol, olhando para a atuação desses clubes no movimento de autodeterminação. Busca conhecer as áreas teóricas que carecem de pesquisas atuais nos seguintes aspectos: a politização do futebol, a identidade esportiva, as emoções e o voto político. Este artigo contribuirá para entender se existe de fato uma conexão entre ser torcedor de futebol e ter percepções particulares de apoiar ou não uma reivindicação de autodeterminação. Entendendo que o processo de politização não é necessariamente exclusivo das instituições e processos políticos clássicos, também podemos acompanhar como o discurso político atual evolui em outros cenários.

Palavras chaves: autodeterminação, politização, futebol, identidade política, identidade esportiva

Abstract

The article will present the literature gaps in Political Anthropology and its relation with sport, particularly football, focusing on the Catalan secessionist process in Spain. In the self-determination process that is going on in Catalonia since 2012 – especially in independence campaigns by pro-and anti-independence organizations before the 2017 referendum – football and football fans are constant elements of the movement. In particular, the two key football clubs of Catalonia found themselves in the center of the movement, FC Barcelona and RCD Espanyol. The article is interested in analyzing the degree of politicization of football, looking at the performance of these clubs in the self-determination movement. It aims at finding out the theoretical areas that lack current research in the following aspects: the politicization of football, sports identity, and emotions and political voting. This article will contribute to the understanding whether there is indeed a connection between being a football fan and having particular perceptions of supporting or not supporting a self-determination claim. Understanding that the politicization process is not necessarily unique to classical political institutions and processes, we can also track how current political discourse evolves in other settings.

Keywords: self-determination, politicization, football, political identity, sport identity 

Referência

MARGARYAN, Meline. Football and the self-determination process in Catalonia (2012-2021): finding gaps in the literature. Ponto Urbe. São Paulo, n. 29, 2021.
Cadastre-se para receber novidades