129.29

Ilusões de um jovem peladeiro

Cláudia Samuel Kessler 25 de março de 2020

Achava que seu trabalho era só com a bola
Que seria sempre o primeiro
Que os colegas seriam seus amigos
Que conquistaria o mundo inteiro

Seu sonho maior? Fama e dinheiro
Entre tantas qualidades: jovem e boleiro
Dentre suas conquistas? Representar o povo brasileiro
E logo em seguida? Jogar em um time estrangeiro

Pede-se eficiência máxima do jovem rapaz
Na fuga do zero, em busca de mais
Superou a dor, pra mostrar que é capaz
“Depois da lesão grau três”, disse o médico
“Futebol? Jamais!”

Jogo na Zona Leste de São Paulo. Foto: Cassimano.

 

Seja um dos 10 apoiadores do Ludopédio e faça parte desse time! APOIAR AGORA

Cláudia Kessler

Jornalista e cientista social. Doutora em Antropologia Social (UFRGS).

Como citar

KESSLER, Cláudia Samuel. Ilusões de um jovem peladeiro. Ludopédio, São Paulo, v. 129, n. 29, 2020.
Leia também:
  • 129.38

    A “Primavera” do futebol feminino (1940-1941)(2ª e última parte)

    Denaldo Alchorne de Souza
  • 129.37

    Quando a bola precisou parar

    Museu do Futebol
  • 129.36

    #MeuRival: A alma tricolor e o amor inútil

    Alexandre Lyrio