• Minha nação é o meu clube: como a rivalidade no futebol pode ser maior do que o nacionalismo

    Pâmela Camargo Soares | 31 de agosto de 2022
  • Me dá a mão

    Cláudia Samuel Kessler | 30 de agosto de 2022
  • Novas perspectivas sobre o Museu Brasileiro do Futebol

    Anderton Taynan Rocha Fonseca, Stephanie de Oliveira Souza | 29 de agosto de 2022
  • Finalmente no caminho. Próxima parada: não sabemos

    Gabriel Bernardo Monteiro | 29 de agosto de 2022
  • ISSN: 2446-6174
    Volumes
  • 158.34

    Minha nação é o meu clube: como a rivalidade no futebol pode ser maior do que o nacionalismo

    Pâmela Camargo Soares
  • 158.33

    Me dá a mão

    Cláudia Samuel Kessler
  • 158.32

    Novas perspectivas sobre o Museu Brasileiro do Futebol

    Anderton Taynan Rocha Fonseca, Stephanie de Oliveira Souza
  • 158.31

    Finalmente no caminho. Próxima parada: não sabemos

    Gabriel Bernardo Monteiro
  • 158.30

    Munique’72: os jogos olímpicos por um anuário alemão de época

    Wagner Xavier de Camargo
  • 158.29

    Das dificuldades de constituirmos uma conversa pública: Jorginho como exemplo

    Alexandre Fernandez Vaz
  • 158.28

    A paixão pelo alambrado (parte 1)

    Marianna C. Barcelos de Andrade, Roberto A. P. Souza Junior
  • 158.27

    Entre torcer e comer cachorro-quente

    Eduarda Moro
  • 158.26

    Muito além do 7 a 1: a internacionalização e a despolitização da seleção brasileira 20 anos depois do Penta

    Fabio Perina
  • 158.25

    Paris: um ano depois

    Rodrigo Koch
  • 158.24

    A desigualdade à brasileira: o país em que frequentar estádios é, cada vez mais, um privilégio

    André Lucena
  • 158.23

    Trajetória do futsal feminino na Universidade Federal do Amapá – UNIFAP: um relato de experiência

    João Carlos Silva Guimarães, Gustavo Maneschy Montenegro
  • Cadastre-se para receber novidades